Os voos low cost são o melhor amigo de quem quer viajar gastando pouco. Mas, como tudo na vida, voos low cost também tem suas vantagens e desvantagens.

Na Europa, por exemplo, as companhias aéreas low cost já dominaram a aviação. Com elas, é possível voar por todo o continente a preços muito baixos. Entretanto, é preciso ficar atento, já que a tarifa inclui algumas pegadinhas que podem pegar o viajante despreparado.

Aqui no Brasil as companhias low cost ainda não atuam. Apesar de recentemente a Anac ter mudado as regras de despacho de bagagem a fim de baratear as passagens aéreas, não é isso que tem acontecido. As tarifas continuam altas, além de agora contar com novas taxas.

Nunca fica clichê! ✈️

A post shared by As viagens de Trintim ✈ (@asviagensdetrintim) on

Vantagens de voos low cost

Dentre as vantagens, a mais óbvia de todas é o preço. Falando novamente de Europa, no continente é possível encontrar passagens por €10, aproximadamente R$39,16, ligando as principais capitais. Além disso, voos low cost são aliados de quem só quer comprar um trecho pagando um preço justo e barato.

A oferta de destinos também costuma ser grande. Companhias como Ryanair e EasyJet voam para quase todo o continente Europeu, desde capitais a cidades menores.

Outra vantagem de voos low cost é a praticidade. O passageiro faz a compra pelo site, realiza o check-in online e embarca sem precisar de muita burocracia. Na África do Sul voei internamente com a FlySafair, uma companhia aérea low cost, e todo o processo de compra, embarque e voo foi simples.

voo low cost África do Sul
No voo low cost entre Joanesburgo e Cidade do Cabo, na África do Sul

Desvantagens de voos low cost

Apesar de o preço da passagem ser barato, existem uma infinidade de taxas: check-in, despacho de bagagem, escolha de assento… Ao optar por essas comodidades fica difícil voar pagando menos de €70.

Outro detalhe é o peso da bagagem. Uma das fontes de receita das low costs é o acesso de bagagem. Cada quilo que passar do permitido custa, muitas vezes, mais caro que o valor da passagem.

Muitas companhias low costs usam aeroportos secundários, distantes e de difícil acesso. Por isso, preste muita atenção na hora da compra. Além disso, se comprar voos low cost para esses aeroportos menores, tente não escolher os horários que decolam muito cedo ou chegam muito tarde.

Esteja preparado para mudanças, já que voos low cost tendem a trocar de horário ou cancelar o trecho. Nesses casos, o que você pode fazer é pedir reembolso, uma vez que as companhias normalmente não realocam o passageiro.

Leia mais: Como comprar passagens aéreas mais baratas

Evite fazer conexão em voos low cost de companhias aéreas diferentes. Esses voos não devem ser combinados com nenhum outro no mesmo dia, porque em caso de atraso, você perde o voo seguinte e fica sem direito a qualquer reembolso.

Durante o voo, não espero muito conforto, espaço entre os bancos ou serviço de bordo gratuito.

Por último, faça também seu orçamento em uma companhia aérea “convencional”. Quando acoplados às taxas, alguns trechos se tornam tão baratos quanto os voos low cost.

Se sua intenção for viajar mais gastando menos, esses voos são ideias. Se deseja mais conforto, opte por voar com as companhias aéreas “convencionais” que incluem todos os serviços e taxas extras na tarifa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here