Antes de embarcar em uma aventura você deve prestar atenção em alguns itens, desde como arrumar a mala e contratar o seguro saúde, até decidir como levar dinheiro para uma viagem internacional.

Há várias alternativas de como levar dinheiro para uma viagem internacional, que podem ser escolhidas de acordo com a sua preferência. O ideal é levar mais de uma para estar precavido em casos de imprevistos.

No YouTube: Como levar dinheiro para uma viagem internacional

Trocar o dinheiro na casa de câmbio

Na casa de câmbio você leva seus reais e compra dólares, euros, libras ou a moeda de sua preferência que esteja disponível.

O lado bom é que você chega no destino com o dinheiro, sem precisar se preocupar em trocá-lo. O ruim é que se acontecer alguma coisa, como furto ou perda, você acaba perdendo o dinheiro que levou.

Cartão de crédito internacional

Cartão de crédito é uma ótima maneira de pagamento no exterior. O problema é o IOF e a conversão da moeda, que acabam gerando taxas além do valor da cobrança. Por outro lado, essa forma de pagamento é muito interessante para quem quer juntar milhas ou controlar gastos, já que tudo estará registrado na fatura.

Lembre-se de antes de viajar avisar a sua operadora de cartão de crédito seu destino e pedir que liberem para o uso. Caso contrário, você pode ter problemas quando tentar pagar alguma coisa.

Cartão de débito internacional

O cartão de débito internacional também está sujeito ao IOF. A maior diferença entre utilizar um cartão de débito ou de crédito no exterior é que, ao utilizar o débito, você está sujeito à cotação do dia. Ou seja, o câmbio não será uma surpresa. Mas para realizar saques, você pode pagar algumas taxas.

moeda levar para viajar
Foto: Pixabay

Cartão pré-pago

O cartão pré-pago funciona como um cartão de débito internacional. A diferença é que você coloca dinheiro antes de usar. Por ser muito prático, esse tipo de cartão permite o saque diretamente em caixas eletrônicos, recargas através da internet e depósito de valores em mais de uma moeda para o mesmo cartão, o que se torna muito conveniente para quem pretende visitar vários países na mesma viagem.

O cadastro e adesão ao cartão costuma ser bastante simples. Caso o cartão seja roubado ou perdido, em até 72 horas o valor é restituído pela operadora do cartão, graças ao seguro que já vem incluso. E a segurança não é só essa, com o cartão pré-pago você não tem variação de câmbio. As desvantagens são o IOF e a cotação ser pautada pela moeda de turismo.

Transferência Bancária Internacional

Fazer uma transferência bancária internacional é uma alternativa tão barata quanto levar dinheiro em espécie. O lado ruim desse método é que nem todo mundo tem conta no exterior, o que complica as coisas.

Uma opção é o Transferwise, que cobra até 8 vezes menos taxas para as transferências internacionais. Todo o processo é feito online: você se cadastra no site, seleciona a conta para transferência, paga o boleto com o valor que deseja transferir e em até 4 dias o dinheiro entra na conta selecionada.

Outra opção é a Western Union, que está presente em mais de 200 países. Com a Western Union é possível enviar dinheiro para outro país de forma rápida e segura. Para a transação ser realizada, é preciso ter o nome completo da pessoa para quem você está enviando o dinheiro, CPF, endereço e conta internacional. A transferência gera um código, que a pessoa no exterior deve apresentar na hora de receber. O processo é praticamente instantâneo: quando a transação é autorizada, o dinheiro entra na conta selecionada.

Cada viagem tem uma finalidade e objetivo diferente, o que varia como levar dinheiro para uma viagem internacional. Tente sempre ter um pouco de cada opção para pagamento no exterior. Viajar apenas com o cartão de crédito, pré-pago ou com dinheiro vivo é perigoso e pode ser que você fique na mão, caso o seu método de pagamento não seja aceito.

Imagem destacada: Pixabay

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here