São Luís é uma ilha, por isso, dependendo da localização do seu hotel, alugar carro para se locomover pela cidade é ideal.

Leia mais: Roteiro de quatro dias em São Luís, Maranhão

Não estava nos nossos planos alugar um carro em São Luís. Pensávamos que poderíamos fazer e ir a todos os lugares usando o uber ou táxi. Entretanto, fazendo as contas percebemos que alugar um carro sairia bem mais barato para nós.

É economicamente viável alugar um carro em São Luís?

Nós chegamos a capital maranhense numa quinta-feira à tarde. Só no período entre tarde e noite daquele dia gastamos R$70 em corridas de uber. Isso porque o uber é quase a metade do preço do táxi em São Luís.

Como ficaríamos quatro dias pela cidade, fizemos as contas e vimos que andar sempre de uber e táxi não seria nada vantajoso. Colocamos na ponta do lápis, fizemos cotações com as locadoras e decidimos alugar um carro.

Como alugar um carro durante uma viagem

Sempre aluguei carro pela Localiza, porém, essa não é a locadora mais barata. Há outras que disponibilizam carros por preços mais acessíveis. Há sites comparadores de tarifas, para que você possa selecionar a que mais lhe agrada economicamente. Vale a pena pesquisar antes de alugar.

Em São Luís, fizemos a cotação com a Localiza pela internet e decidimos que iríamos alugar com eles. Escolhemos uma das categorias mais baratas: os carros manuais 1.0 com direção e ar condicionado. Até tínhamos a opção de alugar carro sem ar, seria mais barato, mas em São Luís isso seria horrível porque faz calor demais na cidade. Então, não abrimos mão do ar condicionado.

Na internet a diária do carro custava R$90 com quilometragem livre. Porém, não fechamos online e fomos até a loja da Localiza no centro de São Luís. Entretanto, as tarifas no balcão são mais caras!

Se alugássemos direto no balcão pagaríamos R$160 pela diária! Claro que na mesma hora abri meu navegador no celular e fiz a reserva online. Tudo para economizar.

Dica: sempre faça sua reserva online! É bem mais barato do que alugar direto no balcão da locadora.

Os custos da locação

Outro detalhe importante é ter limite no cartão de crédito para bancar a reserva. Mesmo fazendo a reserva online, que custou R$300 para os três dias de locação do carro + o seguro, foi cobrada uma taxa que é cancelada no momento da devolução.

Só que eles fazem um débito no nosso cartão de crédito para cobrir eventuais despesas. Cobraram R$800 no meu cartão que, no momento da devolução do carro, foi cancelado. Por isso, só alugue carro se tiver limite no seu cartão de crédito que cubra essa despesa.

O nosso carro

Como alugamos o carro básico com ar condicionado, a Localiza nos deu a possibilidade de escolher entre um Fiat Uno e um Renault Sandero. Ficamos com a segunda opção e foi uma agradável surpresa.

Nosso carro tinha menu interativo com GPS. Sabe o melhor? Não pagamos nada a mais por isso! Então, ser guiada pelo GPS era muito cômodo, porque ele avisa até onde estavam os radares.

Pose pra foto do lado do carro alugado, né?

O acidente com o carro alugado

Lembra que eu disse que viajei para São Luís com uma amiga? Pois então, nós duas somos habilitadas, tiramos nossas carteiras de motoristas com meses de diferença. Mas, como eu fui a responsável pela locação, já que todo o processo foi feito em meu nome, cpf e cartão de crédito, também fiquei responsável pela direção. Tanto que nem colocamos o nome da minha amiga como segunda motorista, o que também geraria custos e nós não queríamos gastar mais.

Leia mais: Dicas para quem vai viajar com uma amiga

No segundo dia com o carro decidimos ir aproveitar a praia. Eu fui com a tralha digna para um dia de sol: protetor solar, canga e biquíni, mas minha amiga não. Não sei o que deu, mas ela nem colocou o biquíni.  Chegando a praia ela se arrependeu da decisão e decidiu voltar ao hotel para buscar seus pertences.

Como eu já estava instalada na praia com toda a minha tralha, achei melhor ficar por ali mesmo e entreguei a chave do carro para minha amiga ir ao hotel e voltar.

Nós nos hospedamos no Centro Histórico de São Luís (péssima escolha que será tema de outro post) e fomos a praia em Calhau. São 8km de distância, uns 15 minutos de carro. Só que minha amiga demorou mais de uma hora nesse trajeto.

Eu estava de boa pegando um sol, tentando ficar morena. Achei que ela estava demorando, porém, nem me importei.

Até que ela volta e diz que bateu de carro. Xinguei horrores antes mesmo de saber como tinha sido. Fiz as contas mentais e vi que não teria dinheiro para o fim da viagem e estávamos apenas no terceiro dia. Lembra da taxa de R$800? Então, ela é cobrada em caso de danos ao veículo.

O que aconteceu foi que ao sair do estacionamento do hotel, a cancela fechou em cima do carro danificando o retrovisor. Ficou uma mancha branca de tinta no retrovisor que era preto.

Retrovisor pós batida.

Como resolvemos o problema

Aquela notícia do acidente acabou com meu banho de sol na Praia de Calhau. Me levantei instantaneamente e fomos buscar soluções para resolver o problema.

Fomos até um lava jato, na Avenida dos Holandeses, e pedimos ajuda. Dizemos o que tinha acontecido e perguntamos se eles tinham como dar um polimento no retrovisor. Eles foram tão legais com a gente que nos ajudaram na mesma hora! E nem queriam aceitar o pagamento pelo trabalho, dá para acreditar? Aqueles caras salvaram nossa viagem. O mínimo que podíamos fazer era pagar pelo serviço deles.

Resumo da ópera: eu não deixei mais minha amiga dirigir em momento algum. Afinal, mal ou bem, o carro estava sob minha responsabilidade. Situações assim poderiam acontecer com qualquer pessoa, mas, mesmo assim, só eu quem dirigi depois.

Na hora da devolução não falamos nada a Localiza. Quem olhava o retrovisor não via nada de diferente.  A taxa de R$800 foi cancelada e isso virou nossa “história de acidente com carro alugado durante uma viagem”. Até ri lembrando do sufoco, mas na hora eu xinguei muito.

Termos e condições de reserva

É importante atentar para alguns termos e condições de reserva antes de alugar um carro durante uma viagem. Por exemplo, o locatário deve ser maior de 21 anos, ter no mínimo 2 anos de habilitação e possuir cartão crédito em seu nome.

Além disso vale ressaltar que o carro deve ser entregue com tanque cheio. Quando não, a locadora cobrará pelo reabastecimento.

 A diária do carro é de 24 horas, com até 1 hora de tolerância para devolução. A partir da 25º hora será cobrado uma taxa extra.

E em casos de furto, roubo, incêndio e colisão, é obrigatório a apresentação do Boletim de Ocorrência e o preenchimento do Aviso de Sinistro. Tudo isso, dependendo do contrato, pode gerar multas e gastos extras.

Tenha sempre em mente que o carro alugado não é seu, por isso, você deve cuidar dele tão bem ou melhor do que se fosse seu. Ninguém quer se estressar e gastar uma grana desnecessária durante uma viagem, não é mesmo?

A segunda lição que aprendi alugando um carro é: só deixe dirigir quem estiver responsável pela condução do veículo. Se várias pessoas alugarem e todas quiserem dirigir, coloque todas como responsáveis. Responsabilidade é um detalhe muito sério, é a obrigação de responder pelas suas próprias ações e a dos outros.

No mais, preste atenção nas regras de trânsito, se beber não dirija e aproveite sua viagem. Alugar carro te dá independência, proporciona ir aonde quiser e, às vezes, compensa financeiramente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here