Quem viaja com frequência ou está sempre planejando a próxima aventura, com certeza já escutou a frase: “mas você só pensa em viajar?” Eu, pelo menos, tenho escutado bastante esse tipo de comentário recentemente e, quase sempre, ele é feito em tom pejorativo.

Mas, veja bem: a verdade é que eu AMO viajar. Quando não estou em uma viagem estou pensando em outras mil que poderia fazer se pudesse. É claro que às vezes, mesmo durante uma viagem, fico cansada e o único lugar no mundo que desejo é a minha casa. Só que isso não diminui minha vontade de rodar o mundo.

Foto: geradormemes.com

Você só pensa em viajar?

E não, eu não penso só em viajar.

Tem horas que eu acho que as pessoas pensam que eu sou fútil ou supérflua só porque gosto muito de falar e estudar sobre o universo de viagens. Mas, gente, cada um no seu nicho, não é mesmo? Há quem goste de games, matemática ou dança. Eu gosto de viagens. Simples assim.

Não sou uma alienada porque penso constantemente nas promoções aéreas. Muito menos sou “atoa na vida” porque quero conhecer outros lugares. E, cá entre nós, eu sei conversar sobre os mais variados temas, mesmo aqueles que não incluem viagens.

É que para mim é muito natural conversar sobre um assunto que eu gosto e me identifico. Não gosto de discutir política e evito ao máximo tocar no assunto. Quando o papo vai por este viés e eu o corto, as pessoas pensam que sou grossa. Quando tudo o que eu menos queria era passar essa impressão.

Entretanto, mesmo que eu fosse uma “sem noção que só pensa em viajar” o que os outros tem a ver com isso?

Infelizmente o universo não me fez uma apreciadora dos cálculos ou biologia. Eu gosto de palavras, do novo, de gente e de contar e ouvir histórias. Gosto do vento no rosto e emoção no peito. Só que as vezes a interpretação é errada, aí os outros julgam que “ela só pensa em viajar”.

Qual o problema de só pensar em viagens?

Existem blogueiros e jornalistas que ganham, literalmente, a vida viajando. Os chamados blogueiros profissionais de viagem monetizam através de suas experiências nos locais que visitam. É claro que por trás disso existe um público que os segue e é influenciado por suas dicas, porém, isso não tira o mérito de que há pessoas que vivem de viagens.

Vida dos sonhos? Emprego perfeito? Tudo depende do ponto de vista. Eu tenho minhas observações a respeito. Opinião totalmente pessoal e fruto da minha experiência, que não vem ao caso no momento. Fato é: será que esses blogueiros de viagem profissionais também escutam a fatídica sentença de, “mas você só pensa em viajar?”

E se nós, os blogueiros profissionais de viagem e eu, só pensarmos em viajar? Qual o problema?

Acho que esse post foi mais um mini desabafo de quem já escutou muito esta frase. Dita várias vezes de maneira recriminatória, como se gostar de viajar fosse algo infame.

Imagem destacada: Pixabay

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here